A Lei da Submiss√£o

 

A LEI DA SUBMISSÃO

 
√Č um fato verdadeiro que ningu√©m pode vir a entender genuinamente a Palavra de Deus enquanto ele estiver apegado a uma id√©ia preconcebida sobre o sentido de determinada passagem. Muitas vezes ele √© motivado nisso por interesse pr√≥prio.
 
A idéia preconcebida é um bloqueio mental que resiste eficazmente à verdade.
 
Observamos isso numerosas vezes na vida de Cristo, pois muitos dos judeus foram até Ele ao saberem dos grandes milagres que Ele realizava. Contudo, quando Ele não aceitou ser forçado a entrar no molde das idéias preconcebidas que eles tinham dEle, quanto ao que o Messias deveria ser, eles foram embora decepcionados e bravos, e foram no final os que gritaram: "Crucifica-O" Crucifica-O".
 
O orgulho, o preconceito e as idéias preconcebidas podem levar uma pessoa a fazer loucura.
 
Se o homem √© uma criatura ca√≠da e depravada, e as Escrituras declaram esse fato com abund√Ęncia, ent√£o n√£o se deve jamais deixar a vontade da carne exaltar-se acima da vontade revelada de Deus.
 
Na medida em que o Espírito de Deus é o Autor das Escrituras, bem como o Interpretador delas, deve-se olhar somente para Ele a fim de se obter a interpretação certa desse Livro.
 
"Porque qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus." (1 Coríntios 2:11)
 
A fim de alcançar a interpretação certa das Escrituras, o homem deve ser submisso ao Espírito de Deus, pois há outros "espíritos" que certamente o desviarão, se não se buscar a liderança do Espírito.
 
Em 1 Cor√≠ntios cap 2 verso 11 ao 12 se mencionam tr√™s esp√≠ritos distintos que podem influenciar as rea√ß√Ķes do homem. H√°:
O espírito humano, O Espírito Santo, e O espírito do inferno, que é Satanás em seu papel como o "deus deste mundo" (2 Coríntios 2:4).
Pelo fato de que ele n√£o √© onipresente como o Esp√≠rito de Deus, ele tem muitos "esp√≠ritos enganadores" " dem√īnios " que o ajudam em seus enganos:
 
"Mas o Esp√≠rito expressamente diz que em tempos posteriores alguns apostatar√£o da f√©, dando ouvidos a esp√≠ritos enganadores, e a doutrinas de dem√īnios." (1 Tim√≥teo 4:1)
 
ESSES SÃO AS CAUSAS DE TODAS AS DOUTRINAS FALSAS
 
Que essa SUBMISSÃO necessária se ache geralmente nas pessoas verdadeiramente nascidas de Deus, mas só nelas, é indicada na declaração de 1 Coríntios cap 2 verso 12 ao 14:
 
"Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus. As quais também falamos, não com palavras de sabedoria humana, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais. Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente."
 
A diferença nesses dois tipos diferentes está na submissão do cristão a Deus.
 
Essa necessidade de submiss√£o foi o que Jesus mencionou quando disse:
 
"Se alguém quiser fazer a vontade dele, pela mesma doutrina conhecerá se ela é de Deus, ou se eu falo de mim mesmo." (João 7:17)
 
Esse mesmo dever foi apresentado no Antigo Testamento, em Oséias cap 6 verso 3:
 
"Conhe√ßamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua sa√≠da, como a alva, √© certa; e ele a n√≥s vir√° como a chuva, como a chuva ser√īdia que rega a terra."
 
Nada ajuda mais alguém a vir a interpretar corretamente as Escrituras do que ter uma vontade humilde e submissa para fazer a vontade de Deus
 
E nada perverte t√£o rapidamente a verdade como uma m√° vontade de fazer o que Deus tem revelado como Sua vontade.
 
Essa Lei, pois, √© de grande import√Ęncia, e deve ser secund√°ria s√≥ ao fato de que j√° se fez uma revela√ß√£o da vontade de Deus. Nenhuma atitude do estudante da B√≠blia √© t√£o importante como essa.
 
Assim como a B√≠blia nos foi dada para prop√≥sitos pr√°ticos, influenciando car√°ter, conduta e destino, nosso estudo da B√≠blia, para ser proveitoso, deve estar em linha com esses prop√≥sitos. O ponto central de toda li√ß√£o, pois, ser√° sua doutrina nessas quest√Ķes, e essa doutrina deve ser de tal forma recebida pela f√© e assimilada pela obedi√™ncia a ponto de se tornar um conhecimento por experi√™ncia.
 
"Se alguém quiser fazer a vontade dele, pela mesma doutrina, conhecerá se ela é de Deus".
 
A confirmação contínua e certeza elevada de que estamos interpretando corretamente a Palavra divina pode vir somente aos que podem dizer: "Então conheçamos e prossigamos em conhecer o Senhor", no mesmo modo de experiência que traz suas bênçãos com cada passo a frente.
 
"Entretanto aquele que atenta bem para a lei perfeita, a da liberdade, e nela persevera, n√£o sendo ouvinte esquecido, mas executor da obra, este ser√° bem-aventurado no que fizer." (Tiago 1:25)
 
D√° para ver facilmente a verdade de Jo√£o cap 7 verso 17, quando consideramos que todo ateu militante estuda as Escrituras, mas nunca chega a conhecer a verdade.
 
O motivo disso é que ele estuda com o objetivo de refutar e derrubar os ensinos da Palavra de Deus, e por esse motivo, ele é incapaz de vir a entender verdadeiramente seu sentido. Sua atitude é errada, pois ele está determinado em sua oposição a Deus, e Deus, pois, não lhe dará a o discernimento para entender corretamente a verdade espiritual.
 
Nessa declara√ß√£o nosso Senhor declarou um princ√≠pio de suprema import√Ęncia pr√°tica. Ele nos informa como certamente se pode alcan√ßar o alvo em conex√£o com as coisas de Deus. Ele nos diz como se obter discernimento e certeza espiritual.
 
A condição fundamental para se obter conhecimento espiritual é um desejo genuíno de coração de realizar a vontade revelada de Deus em nossas vidas.
 
SEMPRE QUE O CORA√á√ÉO EST√Ā RETO DEUS D√Ā A CAPACIDADE DE COMPREENDER SUA VERDADE
 
√Č um engano comum os homens suporem que eles t√™m a capacidade de entender as coisas espirituais somente pelo mero exerc√≠cio de suas faculdades mentais naturais.
 
Mas as Escrituras negam isso em muitos lugares, pois as coisas espirituais progridem de acordo de leis espirituais, e só dá para entendê-las quando se reconhece essas leis espirituais e se submete ao Autor Divino das Escrituras.
 
"Para que se cumprisse a palavra do profeta Isaías: Senhor, quem creu em nossa pregação? E a quem foi revelado o braço do Senhor? Por isso não podiam crer, porque, como disse ainda Isaías: Cegou-lhes os olhos e endureceu-lhes o coração, para que não vejam com os olhos e entendam com o coração, e se convertam, e eu os cure." (João 12:37-40)
 
Esse mesmo texto de Isaías cap 6 verso 9 ao 10 é citado pelo menos em três outros lugares no Novo Testamento no mesmo contexto. (Romanos 11:7)
 
"Mas os seus sentidos foram endurecidos; porque até hoje o mesmo véu está por levantar na lição do velho testamento, o qual foi por Cristo abolido." (2 Coríntios 3:14)
 
√Č mediante somente pelo poder iluminador do Esp√≠rito de Deus que algu√©m pode entender as verdades espirituais da B√≠blia.
 
E é frequentemente verdadeiro que aqueles que têm mais aprendizado humano, pelo fato de que confiam nisso em vez de serem conduzidos pelo Espírito, chegam a entender com menos plenitude a verdade do que aquele que tem menos formação educacional, pois este está consciente da necessidade de ser instruída pelo Espírito de Deus.
 
Foi a própria promessa do Senhor que declarou:
 
"Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir". (João 16:13)
 
Observe que o Espírito guiará em toda a verdade, e portanto quando alguém vier a conhecer a verdade, é mediante a obra do Espírito Santo e não por outro meio. Desses fatos torna-se óbvio que a qualquer momento que alguém rejeita o ensino do Espírito Santo, e confia somente no raciocínio humano para entender a Palavra de Deus, ela imediatamente cai vítima da frustração e confusão.
 
Este não está em submissão ao Autor e Intérprete das Escrituras. Olhando com objetividade o caso não pode ser de outro jeito. Somente onde há uma plena submissão ao ensino e liderança do Autor das Escrituras pode a capacidade de entender profundamente o verdadeiro sentido delas ser recebida.
 


www.casadosenhor.com.br
Salvar em PDF
Compartilhar

Estudos Bíblicos. Rádio Web Nova Vida - Bíblia Online

Minist√©rio Internacional Casa do Senhor. © 2003-2018 Todos os direitos reservados. ®